OAB de Diadema participa de lançamento da 1ª Marcha para Jesus na cidade

Assessoria de Imprensa
Por Assessoria de Imprensa setembro 16, 2013 19:27

OAB de Diadema participa de lançamento da 1ª Marcha para Jesus na cidade

A presidente da 62ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Diadema participou, nesta segunda-feira (16), da abertura oficial da 1ª Marcha para Jesus que será organizada na cidade. O evento acontecerá no dia 28 deste mês e, segundo os organizadores, são esperadas cerca de 20 mil pessoas ao longo do evento que tem previsão para começar as 10 horas e seguir até o final da tarde.

Doutora Marilza Nagasawa ao lado de autoridades durante o evento

Doutora Marilza Nagasawa ao lado de autoridades durante o evento

Na avaliação da presidente da comarca, o evento tem grande importância para a cidade, já que as pessoas estarão unidas na fe, na esperança e, principalmente, na paz. Doutora Marilza revelou ainda que convocou uma reunião com a diretoria da Subseçao para dar a sugestão de criar um bloco dos advogados da cidade para participar do evento com a confecção de uma faixa em homenagem ao evento. “Independentemente de religião, todos estão recebendo com muito otimismo essa manifestação. Acredito que sera histórica para nossa cidade”, afirmou doutora Marilza.

Os participantes vão se concentrar na avenida Fabio Eduardo Ramos Esquível sob o pontilhão da rodovia dos Imigrantes, próximo ao Paço Municipal. Caminharão em direção ao centro ocupando algumas faixas da avenida que serão interditadas. Vão contornar por trás do terminal de trólebus e a última parada será na Praça da Moça. Cinco trios elétricos com músicos da região acompanharão os participantes com preces e músicas ao longo do percurso.

A prefeitura irá apoiar o evento com ambulâncias do SAMU, equipes de trânsito para auxiliar no fluxo de veículos no local e apoio da Guarda Civil Municipal.

Assessoria de Imprensa
Por Assessoria de Imprensa setembro 16, 2013 19:27
Escrever um comentário

sem comentários

Ainda não há comentários!

Deixe-me lhe contar uma história triste! Não existem comentários ainda, mas você pode ser primeiro a comentar este artigo.

Escrever um comentário
Ver comentários

Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*