OAB de Diadema participa de audiência pública para discutir o Comad

Assessoria de Imprensa
Por Assessoria de Imprensa agosto 28, 2013 11:05

OAB de Diadema participa de audiência pública para discutir o Comad

Durante discurso, Lubeck tentou explicar o correto funcionamento do Comad

Durante discurso, Lubeck tentou explicar o correto funcionamento do Comad

A 62ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Diadema foi representada nesta quinta-feira (29) pelo Secretário Geral, doutor Edivaldo Lubeck, durante a audiência pública para discutir possíveis alterações na lei que trata do Conselho Municipal de Políticas sobre Álcool e outras Drogas (Comad). O encontro que expôs para a população possíveis modificações no conselho reuniu representantes do governo do prefeito Lauro Michels, do Legislativo e da sociedade civil.

Durante seu discurso, Edivaldo tentou explicar para os presentes como funciona o Sistema Nacional de Políticas Públicas Sobre Drogas (SISNAD), a importância para a sociedade do correto funcionamento do Comad e também sua ampliação para proporcionar uma maior participação das entidades representativas da sociedade civil.

“O aprimoramento da lei que criou o COMAD e seu correto funcionamento é uma iniciativa que pode ajudar em muito combater o tráfico ilícito de drogas, bem como a prevenção e a reinserção social dos usuários e dependentes, monitorando de informações os poderes constituídos e a própria sociedade”, disse doutor Edivaldo Lubeck.

O conselho é responsável por coordenar e deliberar sobre políticas de recuperação de dependentes químicos em todo o território municipal. Entretanto, desde o final da gestão do ex-prefeito Mário Reali, no final do ano passado, os novos membros ainda não foram nomeados.  Integrantes da Câmara, representantes da segurança pública e sociedade civil têm direito a compor a comissão e cabe às secretarias de Defesa Social e Assuntos Jurídicos fazer as devidas nomeações. Entre as sugestões de alterações na lei, está a possibilidade de a OAB de Diadema ter um representante entre os conselheiros.

Assessoria de Imprensa
Por Assessoria de Imprensa agosto 28, 2013 11:05
Escrever um comentário

sem comentários

Ainda não há comentários!

Deixe-me lhe contar uma história triste! Não existem comentários ainda, mas você pode ser primeiro a comentar este artigo.

Escrever um comentário
Ver comentários

Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*