CAMPANHA VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE 2016

Administração
Por Administração abril 5, 2016 17:35

Em Diadema, a Campanha será realizada no dia 28/04/2016, das 9h às 17h.

14592549516985

Começa em 18 de abril a Campanha CAASP de Vacinação contra Gripe 2016. As guias poderão ser adquiridas antecipadamente em todas as unidades da Caixa de Assistência (sede, Regionais e Espaços CAASP), procedimento que diminui a possibilidade de filas para tanto nos dias de vacinação, a partir de 11 de abril. Em 2015, mais de 30 mil pessoas foram vacinadas, entre advogados, estagiários, cônjuges e dependentes.

Mais uma vez, a vacina será gratuita para advogados e cônjuges com mais de 60 anos. Advogados e estagiários de até 59 anos, bem como dependentes e agregados (pais, avós, sogros, enteados), pagarão R$ 50,00.

Neste ano, será aplicada a vacina quadrivalente, que imuniza contra quatro tipos do vírus Influenza.

 

Em Diadema, a Campanha será realizada no dia 28/04/2016, das 9h às 17h.

Vacinação Infantil

Crianças entre 6 (seis) meses e 8 anos e 11 meses de idade serão vacinadas, desde que os pais fiquem cientes e concordem que, se for necessário uma segunda dose (no prazo de 30 dias), a CAASP não terá condições de atender. Esta impossibilidade deve-se à logística da campanha (itinerante com cronograma pré-definido).

Público – Alvo

Advogados(as), Estagiários(as), seus respectivos dependentes e Agregados

ATENÇÃO, SÃO CONSIDERADOS DEPENDENTES: cônjuges, filhos (sem limite de idade), pais, netos e bisnetos (mesmo sem cadastro).

ATENÇÃO, SÃO CONSIDERADOS AGREGADOS: somente avós, sogros e enteados.

 

VALORES

Usuários Valores (R$)
Advogados, Estagiários   50,00 
Dependentes de Advogados/Estagiários 50,00
Advogados, Estagiários e Cônjuges maiores de 60 anos Gratuito
Agregados (mesmo aqueles com mais de 60 anos)

 

50,00
Viúvas de Advogados/ Estagiários (cadastrados como “Terceiros”) 50,00
Assistidos Gratuito
Dependentes de assistidos (cônjuges e filhos com até 18 anos)  Gratuito

 

Administração
Por Administração abril 5, 2016 17:35
Escrever um comentário

sem comentários

Ainda não há comentários!

Deixe-me lhe contar uma história triste! Não existem comentários ainda, mas você pode ser primeiro a comentar este artigo.

Escrever um comentário
Ver comentários

Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*